Adicionar dica para o jogo Dominó

Dicas dos jogadores

**MESMO SENDO VIRTUAL.NÃO VEMOS REAÇÃO FACIAL,observe se um jogador passou uma jogada pensando muito, demorou para jogar ou jogou muito rápido, ou parou de mandar mensagens no chat ou passou a usar muito emoticons. Enfim, estas mudanças de comportamento podem passar dicas sobre o tipo de mão que cada jogador está. LEIA seus oponentes!ILUMINADA9

Autor: iluminada9

PARA OS SEGURADORES!!!! É preciso pensar rápido e ter uma boa estratégia para vencer partidas em torneios de dominó! ENTÃO POR FAVOR....NÃO SEGUREM!!! SEJA UM BOM JOGADOR E SEJA HONESTO NO JOGAR COMPETIDOR!!!! AUTOR: ILUMINADA9

Autor: iluminada9

Use suas duplas(dobles) rápido Use suas duplas(dobles) no início do jogo. Dobles são complicadas de se livrar ao decorrer do jogo, pois existirão menos oportunidades de usá-las.Muitas vezes deita-las no final,o oponente terá mais ponto e prenderá seu dobler de valor maior.Observe as saídas de pedras do seu parceiro e oponente.AUTOR: ILUMINADA9

Autor: iluminada9

Não concordo com essa história de mão, porque só é mão porque está na frente, mas se levar um passe, não estará mais na frente. Concordo que deve-se proteger o parceiro de levar passa, sempre, independente de ser mão ou não. porque se quem é mão levar um passe, o outro passa a ser o mão.

Autor: sergiosimas

Não jogar nas peças do seu parceiro a não ser que vc não tenho o outro lado, ou se estiver com jogo muito melhor do dele. Respeitar sempre quem é mão do jogo. tentar cortar as peças que o parceiro não tem para evitar passes. Jogadas em parceria são muito importante

Autor: mag65

1 ? Sair sempre com as pedras que tens em maior número, se de dobre, melhor ainda. 2 ? Respeitar a mão (liderança) do companheiro. 3 ? Proteger o companheiro de um possível passe se este é mão do jogo, já que ele tem menas pedras e maiores posibilidades de ganhar.

Autor: luzdivina9

2. Falhas: entenda por falhas a falta de um naipe de nossas pedras. Outro aspecto igual ao anterior é medir a qualidade de nossas pedras, a quantidade de falhas que temos. Quanto mais falhas, maiores são as chances que passemos no transcurso da mão.

Autor: sergiosimas

2. Falhas: entenda por falhas a falta de um naipe de nossas pedras. Outro aspecto igual ao anterior é medir a qualidade de nossas pedras, a quantidade de falhas que temos. Quanto mais falhas, maiores são as chances que passemos no transcurso da mão.

Autor: sergiosimas

Essas dicas foram tiradas de um artigo de Reinaldo Troconis no site da Confederação Brasileira de Dominó, não vou continuar porque é muita coisa, quem quiser pode ir direto lá no site: www.conbrad.org.br E bons estudos

Autor: sergiosimas

5. O placar da partida.

Autor: sergiosimas

1. Quantidade de buchas (dobles): este aspecto é um termômetro para medir a qualidade de nossa mão, quanto mais buchas temos, pior é a nossa mão e vice-versa. Isto tem uma razão simples: as buchas são mais difíceis de serem colocadas que as pedras mistas (de duas cabeças), razão pela qual se nossa mão tem abundância de buchas,

Autor: sergiosimas

Continuação da anterior... evidentemente teremos mais dificuldades no transcurso da mão.

Autor: sergiosimas

No dominó existem regras que devemos seguir porque - de acordo com um razoamento lógico - são as mais indicadas, aquelas que irão nos levar aos melhores resultados. Mas, como no dominó nada é absoluto, também há exceções a estas regras. É importante, portanto, conhecer as regras, mas também conhecer quando acontecem essas exceções.

Autor: sergiosimas

Por isso, é primordial não somente aprender as regras, mas também entender o porquê que essas regras nos levam pelo melhor caminho, assim poderemos identificar mais facilmente quando nos apresentarem as escassas exceções.

Autor: sergiosimas

A finalidade deste artigo não é ensinar-lhe qual é a saída correta para cada tipo de mão em especial, porém mais importante ainda seria educar o leitor que ele pode ter em seu poder as ferramentas com as quais deve tirar suas conclusões e tomar suas próprias decisões.

Autor: sergiosimas

Por exemplo, mencionemos uma regra a qual todos temos ouvido falar: "Que devemos sair pela bucha maior acompanhada". É importante aprender e aplicá-la em nosso jogo, porém mais importante ainda é entendê-la, para saber quando se apresentam exceções e que não seria favorável a sua aplicação.

Autor: sergiosimas

Por isso, a seguir, lhe apresentarei os aspectos fundamentais que se devem levar em consideração no momento de avaliar uma mão quando somos saidores, aspectos que não são mais que ferramentas que nos servirão pra analisar, medir e entender qual a pedra conveniente de saída.

Autor: sergiosimas

1. Quantidade de buchas (dobles) a. Série a quem pertencem (baixa, média ou alta); b. Se estão acompanhadas ou secas.

Autor: sergiosimas

2. Falhas a. Antes da saída; b. Depois da saída.

Autor: sergiosimas

3. Forças. 4. Quantidade de pontos a. Antes da saída; b. Depois da saída.

Autor: sergiosimas

  • 1
  • 2
  • 3